Parque tecnológico é meta da Unipontal para desenvolver cidades

Parque tecnológico é meta da Unipontal para desenvolver cidades
Marco Rocha - Presidente da Unipontal e Prefeito de Regente FeijóRepresentantes de prefeituras da região de Presidente Prudente e membros da União dos Municípios do Pontal do Paranapanema (Unipontal) apresentaram, na manhã desta sexta-feira (8), no Anfiteatro Municipal de Regente Feijó, as propostas do Plano de Desenvolvimento Regional e Local para os Municípios do Pontal do Paranapanema. Entre as metas para os próximos anos, está a valorização dos recursos ambientais dos nossos municípios e, posteriormente, a instalação de um parque tecnológico. Conforme explica o secretário-executivo da Unipontal, Jorge Dib, este foi o primeiro encontro após a produção do estudo por uma empresa terceirizada. “Conseguimos verbas com o governo do Estado, mais especificamente com a Secretaria do Desenvolvimento, para que a Geobrasilis realizasse a avaliação do perfil econômico dos municípios e de quais seriam os investimentos mais adequados. Agora as metas serão apontadas a cada prefeitura nos próximos dias 15 e 21 deste mês”, afirma. Dib também explica que a busca por recursos estaduais e federais será intermediada pela empresa contratada. “Muitas prefeituras não possuem profissionais que consigam, por exemplo, montar um projeto de infraestrutura para empresar nas outras esferas do governo”, explica. [gallery ids="152,160,158"]   A grande oferta de recursos naturais, como água e terras, é um dos diferenciais que devem ser divulgados para atrair investidores. “Na capital e em Campinas, por exemplo, está cada vez mais difícil encontrar espaço e estes bens naturais. Aqui não temos este problema. Isso pode fazer com que os empresários vejam com outros olhos a região”, afirma.   Já a criação de um parque tecnológico, ou seja, um local que reúna empresas, escolas de tecnologia e centros de estudos, é uma meta posterior, ainda sem uma previsão exata. “Temos que apresentar primeiro a todos os municípios como o plano vai ser executado. É uma mudança de modelo de desenvolvimento. Já conseguimos isso com algumas medidas, como a chegada das escolas técnicas”, afirma. A Unipontal reúne 32 municípios do Pontal do Paranapanema, entre eles Rancharia, Presidente Epitácio, Presidente Prudente e Regente Feijó. Fonte: http://g1.globo.com/sp/presidente-prudente-regiao/noticia/2014/08/parque-tecnologico-e-meta-da-unipontal-para-desenvolver-cidades.html

Compartilhe